19 julho, 2010

Barba feita e cú rapado, um homem pode ir a qualquer lado!

Nada como esta maxeca de expressão para fecharmos este projecto malinoso.

Como tudo na vida, existe um princípio, um meio e um fim.

Chegamos ao fim de uma grande odisseia. Estou orgulhoso do que aqui conseguimos reunir, pois acima de tudo contribuímos para o registo da cultura de um povo e, ao mesmo tempo, ainda nos rimos bastante com isso.

Gostava de vos brindar com alguns números, de forma a verem o que juntos conseguimos amealhar:

* Início em Março de 2007
* 145 posts publicados
* 609 alcunhas recolhidas
* 320 expressões malinosas
* Várias personagens malinosas
* Diálogos que não lembram nem ao diabo
* E grandes pérolas de sabedoria popular!


Quem sabe um dia se voltaremos noutros formatos para aprofundar algumas das expressões que se seguem:
- 'xaver (deixa ver)
- Parece uma arrevela boieira
- Comadre sem cú é madre
- Ir p'la carreira da borda/extrema
- Parece que ando aqui a dar áugua à cura
- Toquezinho de Barbela
- Gordo que nem um chibo
- Esbuzinar
- Vale mais cheirar a merda que cheirar a pobre
- Blhardêro
- Rebuçados de cuspo do pitrolino
- Corte de cabelo curtido à chapada
- É isso tudo e peixe pró gato
- Eh rapazecos
- Desemborregar
- Atracaçado
- Sandes de Carqueija e um copo de áuga a mexer
- Tico laricó quico, sem cu nem pau nem bico
- É só peido e coice
- Bazarú
- 'dass que é de Coruche!
- Ser pior que a cadelinha do Filipe
- Isso é ao pé do Sê Vitro
- Até ao cruto (encher de cruto)
- Um filme à moda do campo, com tiros pró ar e mulheres em pelica
- Dromitários (dromedários)
- Barba feita e cú rapado, um homem pode ir a qualquer lado!



Bom, e é tudo. Gostava de agradecer a todas as pessoas (voluntários e fãs) que contribuíram para o projecto com sugestões, comentários, dicas, alcunhas, expressões, etc.

Gostava também e principalmente de lhe agradecer a si, leitor malinoso, pois isto tudo só foi continuando devido às suas sonoras gargalhadas.

Um abraço malinoso,
Vasco Gaspar

4 comentários:

Anónimo disse...

Parabéns por esta fantástica e muito curiosa odisseia!!!! :) Quem sabe não continua com posts esporádicos... ;) MDB

JB disse...

Abraço! Aliás, gargalhada.
JB

Méon, disse...

Pela minha parte agradeço o esforço, a dedicação, o empenhamento. Sei o trabalho que isto dá, embora o gozo seja proporcional e compense do resto.

Agora era interessante publicar um opúsculo, um livrinho, algo que pudesse ser consultado na Biblioteca Municipal, por exemplo. Fale com a Ana Paula, cujo trabalho belíssimo naquela instituição venho acompanhando há algum tempo..

Até sempre!

Cão Malinoso disse...

Olá Méon,

Muito obrigado pelas palavras de reforço.

Parece-me uma excelente ideia, a do livrinho. É algo que gostaria de fazer, sim.

Ando agora a dar andamento a outros projectos (blogs e não só), pelo que quando os mesmos estiverem mais "encarreirados", unirei esforços no sentido de materializar o "cão". :)

Vou, de qualquer forma, abrir o contacto com a Ana Paula nesse sentido.

Muito obrigado!

Um abraço e até sempre!